Estratégias/Táticas - Art. 39

- Cobertura de Ataque.

- Cobertura de Ataque para Combinações de Ataque. Finalizadas do Meio para a Entrada da Rede.

- Aquela / Beetwen com 3 Atacantes na Rede e 1 do Fundo.

 

No grupo de diagramas a seguir:

Diag. 1 - a ordem de saque de maneira facilitar o acompanhamento das disposições da cobertura.

Diag. 2 - a representação gráfica da combinação.

Diag. 3 - a disposição para o ataque da Primeira Bola pelo A3. O levantador (L) , à esquerda, A4, atrás e A5 (atacante do fundo), que já estão na da zona de ataque, compõem a primeira linha da cobertura. A6 (pode ser substituído pelo Líbero) e o J2, que não recebe a bola para atacar e recua da rede para seu posicionamento na cobertura, ocupam a segunda linha.

Diag. 4 - a disposição da cobertura para o atacante da Segunda Bola (A4). O levantador (L), à esquerda, A3, à direita e A5, por atrás (ambos não recebem a bola para atacar), que estão mais próximos ao ponto em que a bola é atacada, compõem a primeira linha da cobertura. A6 e A2, que não recebe a bola e recua para o fundo da quadra, participam na segunda linha.

Diag. 5 - a disposição para o ataque da Bola de Segurança, na saída da rede (pos. 2). O levantador (L), A3, que não recebe a primeira bola (ambos já estão na zona de ataque), e A6, que se desloca de seu posicionamento na recepção, formam na primeira linha. A segunda linha, depende de grande esforço de A4 e A5. No momento do levantamento, ambos estaão na Zona de Ataque. N ão recebe para atacar, respecticamente a segunda e a bola do fundo. Têm que recuar da rede para seus posicionamentos na cobertura para as bolas que voltam no fundo da quadra. Por isso, é a tarefa mais complicada.

Diag. 6 - a cobertura para o ataque da Bola do Fundo. Na primeira linha, o Levantador (L), A3 e (A4), ambos já na Zona de Ataque, já estão praticamente nos posicionamentos da cobertura. Na segunda linha, A6 e J2, que está na Zona de Ataque (não receb a bola para atacar) tem que deslocar com muita velocidade para o fundo da quadra.

 

 

 

Nota

 

As Combinações de Entrada e, sobretudo, as Bolas do Fundo pela pos. 5, não têm sido executadas pelas equipes de alta competitividade. E por que? Os bloqueadores possuem elevadas estaturas. Têm possibilidade de saltar duas vezes consecutivas, em curta fração de tempo, e, ainda assim, alcançam grande alturas em cada um dos saltos. O que fazem? Graduam, taticamente, os saltos. De modo geral:

- saltam pouco na Primeira Bola e o máximo na Segunda;

- saltam o máximo para o bloqueio da Primeira Bola e o que for possível para Segunda.

 

 


 

- Desmico da Chutada com 3 na Rede e 1 do Fundo.

No grupo de diagramas a seguir:

Diag. 7 - a ordem de saque de maneira facilitar o acompanhamento das disposições da cobertura.

Diag. 8 - a representação gráfica da combinação.

Nos diagramas seguintes, apresento o ponto em que os jogadores se encontram no momento em que o levantamento é executado. Estão destacados com círculos e letras com cores clarinhas. A setas trecejadas também em cores clarinhas. Na disposição de cobertura, tanto da primeira linha quanto da segunda, as letras estão grafadas com cores mais fortes.

Diag. 9 - a disposição para o ataque da Primeira Bola pelo A3. O levantador (L), A4 e A5 (atacante da Bola do Fundo), que já estão na zona de ataque e têm que fazer pequenos ajustes, compõem a primeira linha da cobertura. O (A6) e o A2, que não recebe a bola para atacar e recua da rede para seu posicionamento na cobertura. Ocupam a segunda linha.

Diag. 10 - a disposição da cobertura para o atacante da Segunda Bola (A4). O levantador (J1), o J3 e o J5 (atacante do fundo), que não recebem a bola para atacar e que estão mais próximos ao ponto em que a bola é atacada, cobrem na primeira linha da cobertura. O A2, que recua da rede, e o A6 participam na segunda linha.

Diag. 11 - a disposição para o ataque da Bola de Segurança, na saída rede (pos. 2). O levantador (L), A3 e o A5 (atacante do fundo), que já estão na zona de ataque, formam na primeira linha. O A4, que não recebe a primeira bola para atacar e recua da rede para seu posicionamento na cobertura, e o A6 cobrem a bola que volta no fundo da quadra.

Diag. 12 - a cobertura para o ataque da Bola do Fundo. O Levantador (L), o A3 e o A4 (todos já estão zona de ataque) cobrem na primeira linha. A2, que desloca da rede, e A6, que já está no fundo da quadra, compõem a segunda linha da cobertura.

 

 

 

Nota

Como foi mencionado no art. 38, existe uma outra Combinação de Entrada muito semelhante à Desmico da Chutada: a Degrau / Mico (denominação utilizada no voleibol brasileiro). O ponto da rede em que o ataque é finalizado é praticamente o mesmo; entre o ponto em que a "Chutada" de Meio é atacada e a entrada da rede (pos. 4). A disposições da cobertura são praticamente iguais como veremos a seguir.

 


- Mico/Degrau com 3 Jogadores na Rede e 1 do Fundo.

Antes de apresentar a combinação considero fazer importante comentário. Trata-se da Bola Atacada do Fundo. Como na Desmico da Chutada é atacada pela pos. 6, isto é no terço central da rede. A Segunda Bola e a Bola do Fundo têm que ser atacadas, pra-ti-ca-men-te no mesmo tempo em que é atacada a Primeira Bola. Isso, por que? Porque as três são atacadas numa procção de apenas três metros de rede.

Na representação gráfica a seguir, a rede dividida em duas metades de 4,5 m. Na da esquerda uma sub-divisão de metro em metro. Repare que as três bolas - primeira (1a. B, seta tracejada em vermelho), a segunda (2a. B, seta tracejada em azul claro, e a do fundo (B.F, seta tracejada azul turquesa) - são atacadas em espaço de 3 m de rede. Por isso, é fundamental que as três bolas seja atacadas sem grande espaço de tempo entre elas. Com a estatura e a envergadura do bloqueadores no voleibol atual, dois jogadores são capazes de dificultar, e muito, a execução da combinação. Até porque, podem saltar duas vezes consecutivas e, ainda assim, alcançarem boas alturas; o primeiro salto na primeira bola e o segundo numas das outras duas.

 

 

 

Feita esta observação, vamos à Mico / Degrau. No grupo de diagramas a seguir:

Diag. 13 - a ordem de saque de maneira facilitar o acompanhamento das disposições da cobertura.

Diag. 14 - a representação gráfica da combinação.

Diag. 15 - a disposição para o ataque da Primeira Bola pelo A3. Compõem a primeira linha da cobertura: o levantador (L), A4 e A5 (atacante do fundo), que já estão na zona de ataque, praticamente no ponto em que se encontram no momento do levantamento (letra e círculos grafados em cores clara). Ocupam a segunda linha: A6 e o A2, que não recebe a bola para atacar e recua da rede para seu posicionamento na cobertura.

Diag. 16 - a disposição da cobertura para o atacante da Segunda Bola (J4). O levantador (L), A3 e A5 (ambos não recebem a bola para atacar), que estão mais próximos ao ponto em que a bola é atacada, cobrem na primeira linha da cobertura. O A5 e o A2 participam na segunda linha.

Diag. 17 - a disposição para o ataque da Bola de Segurança, na saída da rede (pos. 2). O levantador (L), A3 e A5, que já estão na zona de ataque formam na primeira linha. A4, que não recebe a a bola para atacar e recua da rede para seu posicionamento na cobertura, e A5 cobrem a bola que volta no fundo da quadra.

Diag. 18 - a cobertura para o ataque da Bola do Fundo (A5). A3, à esquerda, o Levantador (L), à direita e A4, por trás. Estão todos dentro da Zona de Ataque e não ecebem a têm que muito o deslocar. Na segunda linha, A6 e A2, que tem que deslocar para o fundo da quadra.

 

 

 

Nota

As disposições da cobertura para as combinações finalizadas do meio para a entrada da rede, com 3 atacantes na rede e com 3 atacantes na rede e 1 do fundo, são muito semelhantes. Seria até desnecessário apresentá-las uma a uma como foi feito. Todavia, existe algumas diferenças, de modo geral, em virtude de posicionamentos de alguns jogadores no momento do levantamento. Ou seja é necessário alguns ajustes, poucos sem dúvida. Mas entre apresentar de menos ou apresentar de mais, melhor a segunda opção. A idéia e a de propiciar uma espécie de manual em estejam disponíveis todas as disposições, de modo detalhado, de todas as combinações apresentadas como exemplo.

 

Cont. no art. 40, com as Combinações de Ataque de Entrada. Com 2 Atacantes na Rede e com Com 2 na Rede e 1 do Fundo.

 

Home

Ir para Menu Vôlei de Quadra