Just Volleyball

- Pergunte ao Jorjão

P - Meu nome é Williane. Gostaria que pudesse me ajudar indicando exercícios para a Cobertura de Ataque, no centro da rede para meu time que atua no sistema 4-2

R - Vamos lá ver se consigo ajudar.

Cobertura do Ataque no Terço Central da Rede.

No Sistema 4x2, dependendo da categoria, as bolas atacadas no terço central da rede, poisção 3, são, de modo geral de dois tipos:

- Meia Bola

- Bola de Tempo próxima ao Levantador

- Chutada de Meio entre os terços inicial de central da rede.

Na representação abaixo os três tipos de bolas mais atacadas no terço central da rede. Meia Bola em azul mais escuro, Cabeça Frente e Cabeça Atrás em azul mais claro e Chutada de Meio em verde, esta última atacada no limiar do terço. Os traços verticais vermelhos representam os limites do terço central.

Nos diagramas, da esquerda para a direita:

- a Ordem de Saque de um rodízio (como exemplo) do 4-2 sem infiltração. L, em verde, os levantadores, 4 e 1, em azul os atacantes de ponta e 3 e 6, em vermelho, os atacantes centrais;

- a disposição para a recepção e os tipos de bola, 3 (meia bola, cabeça frente, cabeça atrás) e 4 bola alta e/ou chutada na entrada da rede (pos. 4);

- a disposição para a cobertura do ataque, L, 4 e 6 (correspondente de 3) na primeira linha e L e 1 na segunda.

 

 

 

 

Na representação a seguir, um exemplo de um dos rodízios de 4-2 com infiltração. E semelhante a do exemplo anterior. Ou seja, a diferença é que 1 (não recebe a bola para atacar) recua para formar a segunda linha da cobertura com L

 

 

 

Exercício

A equipe em treinamento (ET) disposta para a recepção. Um colaborador, na quadra oposta, coloca a bola em jogo. A equipe em treinamento (ET) realiza a recepção, o levantamento e a movimentação para o ataque. A bola é levantada na 3 , para o atacante 3 (exemplo dos diagramas). Este dá as passadas para atacar, salta e, em vez de atacar, golpeia levemente a bola para o colaborador na quadra oposta. Este, repõem a mesma para a quadra da ET (em diferentes pontos) com apenas um toque. A ET realiza novamente recepção-levantada-ataque e assim sucessivamente. O Treinador estipula o tempo de execução para cada um dos seis rodízios.

Exercício 2

A mesma dinâmica do Ex. 1. Agora, com o ataque do central em uma plataforma (fig. abaixo), cuja superfície não deve ser muito dura. A bola bate na plataforma e os jogadores dispostos na cobertura tentam recuperar. Conseguindo, para para o colaborador na quadra oposta.

 

 

 

 

Exercício 3

A mesma dinâmica do exercício 2. Agora com a continuidade. Ou seja, a equipe recupera a bola na cobertura e realiza o re-ataque. Pode ser novamente pelo terço central da rede.

 

 

Enfim, Williane, uma sugestão simples, que pode ser realizada por qualquer equipe, de qualquer nível de competitividade. Não sei se me alonguei demais. A ideia é a gente formar uma linha de raciocínio.

A sua pergunta pode ajudar a muita gente. Você se incomodaria se eu a postasse no site, aberta a todos?

 

Voltar Menu Pergunte ao Jorjão

Voltar/Home